domingo, 28 de abril de 2013

Unhas com fio de ouro (striping tape) - como fazer: parte 1

     Já conhecem o fio de ouro para unhas? Eu conhecia isso como striping tape (fita de fazer listra). É bem bonito e existem algumas maneiras de usar. Já usei e muita gente me perguntou como usar. Lá vai o primeiro jeito.
     Pra começar, o esmalte que estou usando é o Velvet, da Jade. Minha câmera não captou de jeito nehum a cor dele, na foto ficou azul. A cor real dele é roxo, muito roxo, super roxo. Olha aqui.
     Quem tirou as fotos foi a Ísis, minha sobrinha de 4 anos que apertou o botão enquanto eu estava com as duas mãos ocupadas. Brigada, pretinha! :)

Três camadas porque ele é bem ralo - porque é indicado como cobertura para cores escuras. Deve ficar LINDO sobre preto.
      Mas vai lá: a fitinha é isso aí. Sei que a marca Eliana Super Pérola já lançou também, mas em formato de adesivos em papel, várias tirinhas, mas a minha é essa de rolinho. Já ouvi falar que no ebay também se compra assim:
Cor prata. Paguei 5 reais na Belíssima.
      O que fazer: ela é durinha e não amolece igual durex. Então, quando você puxar, ela fica firminha, ou seja, você vai usar essa característica dela pra poder calcular onde ela vai estar colada na sua unha. Puxando a pontinha dela e com ela firme, você posiciona mais ou menos onde quer e ela vai ficar reta, entendeu? Assim:
      É muito importante que seu esmalte esteja completamente seco, eu faço, inclusive, de um dia para o outro. Isso porque se você colocar meio torto e quiser voltar você pode, sem estragar a pintura.
      Colocado, você aperta com o dedo, confere e corta com alicate. Corta super fácil. Pode cortar com uma folga pra ter certeza de que está no lugar.
      Depois, pra dar acabamento, o segredo pra que dure é cortar antes do fim da unha. Se você cortar o fim da fita no fim da unha ela vai descolar muito fácil.
      Aí deixa sobrar uma pontinha de unha depois do fim da fita, assim. Passe uma boa camada de top coat pra selar (eu uso a cobertura de Tenshi da Super pérola - de colar o Tenshi, aqueles adesivos de unha inteira) e evitar que solte, porque a fitinha até tem um adesivo, mas não é suficiente para lavar as mãos, por exemplo.
     Olha aí... Fica lindo! Dá pra fazer em todas, no anelar, na diagonal... depois mostro mais jeitos.
Gostaram?

sábado, 27 de abril de 2013

Mais sobre hidratação capilar

     Ou: coisas que eu esqueci de falar.
     Estou na minha última semana da hidratação capilar e já vou iniciar a nutrição semana que vem. Já andei olhando alguns produtos, depois mostro aqui.
     Umas coisas aleatórias:
1 - Cuidado quando você for fazer máscara pra não encher o pote de creme de água do seu banho. Isso pode estragá-lo e é uma coisa que a gente esquece! O ideal é separar com uma espátula a quantidade que você vai usar antes do banho, pra não molhar o resto do produto.
2 - Essa semana usei de novo o Novex de bambu e coloquei outra coisa, de que ainda não tinha falado:

Novex e o Bepantol Derma
     Vocês não têm noção da maravilha que é isso aí de Bapentol. Eu, por exemplo, tenho tendência a ter meus lábios ressecados no inverno, e aí aparecem aquelas pelinhas maledetas que a gente arranca e fica com cara de doente. Eu uso o Bepantol Baby (creme) na boca antes de dormir e em uma noite já fica tudo ótimo. Ou seja, o poder de hidratação do negócio é muito bom. A partir disso a prórpia marca lançou essa versão líquida do produto pra isso mesmo: pele, cabelos, áreas tatuadas.
3 -   E foi aí que eu entendi o que a Pantene entende por reparação: o creme que mais me adiantou foi ele, lembram? Pantene reparação. Quando fui relembrar, o princípio ativo dele é o tal do pantenol (alÔ, Pantene - pantenol rsrsrsrs), que é a base do Bepantol. Olha que alegria! Nesse aí foram duas colheres do Novex e uma do Bepantol - 20 minutos na touca/ papel alumínio + toalha.
     "Não achei Bepantol Derma, pode ser o normal?" Pode, corre lá na sua vizinha que tem neném em casa e pede a ela uma colher do creme mesmo. É só misturar bem no seu creme de base.
     Outra coisa que não falei do Novex Bambu: ele tem extratos de várias plantas (se você não saca nada de latim e não lembra nada da aula de ciências, sugiro uma pesquisinha, mas muita coisa dá pra deduzir. Mesmo.), o que é bem hidratante.
4 - Essa semana vi um creme que trazia o pH no rótulo: se for bem baixo (tipo 3,5 ou menos) você não precisa passar condicionador depois. A gente passa, geralmente, porque esses cremes não tem pH baixo o suficiente pra fechar as cutículas.
5 - Na última hidratação de 20 minutos o resultado não foi tão magnífico quanto antes - e isso é um ótimo sinal! Significa que meu cabelo já está hidratado e o resultado desses agentes já não modifica tanto o aspecto dos fios. Ou seja: já está na hora da próxima fase. É bem interessante que o pantenol do Pantene continua fazendo efeito - porque depois do meu corte químico (em setembro), meu cabelo está com a estrutura muito fraquinha, e ele perde com muita facilidade o que eu coloco nele. Então o pantenol, que repara, continua fazendo efeito. Esses dias aí falo sobre corte químico e descolorações...!
     Me contem depois o que vocês estão fazendo!
     Leia também um resumão do cronograma.

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Banho de lua; ou: como lorar os pelos

     Acho a coisa mais engraçada falar isso: "lorar os pelos". Verbificar palavras é ótimo.
     Segundamente: é brega fazer banho de lua, gente? Porque quem acompanha Salve Jorge sabe que a moça da favela faz isso na lage da maneira mais Reginacasésística (=brega) que existe. Hoje estou muito neologismista. Me deixa.
     Brega ou não, atire a primeira pedra quem não adora essa música:

     O que importa é que gosto muito de descolorir os pelos do braço e pernas. E faço isso em casa.
     Dicas da titia:
1 - A moça da novela (como que ela chama, gente?) faz isso de, sei lá, dois em dois dias. NÃO faça isso;
2 - NÃO USE AMÔNIA. Faz muito mal. MUITO MAL. E nem precisa.
     O que você precisa: pó descolorante, água oxigenada 40 volumes e creme hidratante. Siiim, creme hidratante ajuda a não agredir tanto a pele e disfarça o cheiro forte do pó descolorante, além de aliviar a pinicação que ele causa na pele.
     Sente só:
Água oxigenada Farmax 40 e pó descolorante Lightne (?) (faz muito tempo que comprei, rende horrores)


     Você não precisa comprar um pó caro de fazer luzes. Nem preciso falar que esses pós mais baratos não são indicados pra uso na cabeça, né, gente. Hum.

Eu uso uma proporção de mais ou menos a mesma quantidade dos dois...




...e depois acrescento mais oxigenada e uma colher de sopa do hidratante. Qualquer hidratante, aquele mais barato que você nem usa: serve. Fica bem mole no fim da mistura.
      Essa quantidade que tá aí eu faço braços e meia perna. Eu aproveito o molho da hidratação e mato dois coelhos com uma caixa d'água só. Vai passando por cima dos pelos com pincel de tintura em movimentos de vai e vem, senão você corre o risco de só descolorir uma parte do pelo. Cuidado com as roupas! Mancha muito. O tempo varia de pelo pra pelo, mas geralmente de 10 a 15 minutos fica show. Eu costumo esperar no mínimo um mês pra repetir.
     Dúvidas ou esclarecimentos acerca da nova ortografia da palavra pelo, favor, comente.

quinta-feira, 25 de abril de 2013

Unhas: Magma

     Como esperado, ir com a Jubs ao centro da cidade me resultou na compra de dois esmaltes. Um deles é o Magma, da marca Jade.
      Não consegui fotos fieis dele, que é um vermelho bem escuro com pouquíssimo marrom. Na foto está bem escuro e amarronzado. Na verdade ele é vermelho com brilhinhos vermelho claro/ laranjas, mas que fica parecendo só brilho mesmo (daquele jeito perolado mais rico).



     O chato dele é que no vidro ele é a coisa mais linda! Olha só que variedade de imagens! A que você achar a mais bonita vai ser a mais fiel porque to com preguiça de separar uma e salvar e zzzzzz
     Outra coisa chata dele é que é bem aguado... consegui fechar a cor com 3 camadas e passei o fosco da Colorama no anelar. Fica bem bonito porque, na minha opinião, fosco com perolado "ressalta" as partículas de brilho, quando é o caso.
     De qualquer maneira, se vc gosta de esmalte vermelho, acho que super vale comprar! Tem cara de esmalte de gente séria rsrsrs. Fora que a Jade é uma marca muito boa, é aquela que tem holográficos de verdadinha nacionais.
     A outra coisa boa que comprei nesse dia (MUITO OBRIGADA JUBS, TE DEDICO) começa com cup e termina com freakingcake. Eu que não gostava de cupcake tomei uma lavada na cara. Não tenho foto porque não deu tempo de tirar nenhuma das três vezes que eu comi. Depois eu conto.

segunda-feira, 22 de abril de 2013

Hidratação capilar - como fazer

     Depois da postagem sobre a ordem que se deve tratar o cabelo, vim hoje falar sobre como fazer a primeira fase: hidratação propriamente dita. Na verdade existem várias maneiras de fazer isso, o que vou fazer é expor o meu método e passar umas dicas mais gerais sobre.
     O que é importante saber:
1 - Nosso cabelo é mais oleoso na raiz, ainda que seja seco, por causa da proximidade com as glândulas do couro cabeludo. Não passe cremes nessa área: aplique da orelha pra baixo (eu, inclusive, tenho dermatite seborreica e tenho que usar shampoos medicinais e nem posso pensar em creme na raiz. Depois falo sobre);
2 - O tempo de ação do creme deve ser respeitado: se está escrito 20 minutos, ficar 40 minutos não vai potencializar o resultado. Pode até piorar. Eu até curto, com os cremes de hidratação (se fizer isso com os de reconstrução seu cabelo vai ficar duro!!!) passar uns minutos;
3 - Se o seu cabelo está com aspecto bem mal tratado, faça hidratações de 3 minutos sempre que lavar o cabelo (vou explicar mas abaixo).

     O que fazer: já comprou os produtos, né? Falei sobre eles aqui, mas até repito - máscaras de frutas que prometam hidratação (não nutrição, não reconstrução) e que tenham ingredientes mais simples, tipo frutas, plantas, ervas. Também deve ter como primeiro componente listado a água (water/ aqua). Também é legal usar produtos com vitaminas: pode ser na própria máscara ou uma ampola, que se mistura no creme.
     Comprar shampoo de frutas adianta?
     Geralmente não. Como já falei, o shampoo vai limpar, o creme é que vai tratar. Ou seja: tem que usar máscara mesmo. Cuidado com as armadilhas do creme para pentear: é uma estratégia colocar silicones aos montes neles para que você ache que seu cabelo está mara, quando na verdade você o está besuntando para manter no lugar. Nem preciso falar dos reparadores de pontas, né? Não é que eu seja contra, eles podem ajudar no visual, mas acho que fingir que o problema não existe não ajuda em nada, além te te condenar a usar esses produtos sempre - até que não adiantem mais.

     O que é legal fazer: comprar uma máscara de três minutos pra usar toda vez que lavar o cabelo e uma de vinte minutos (meia hora, quarenta minutos dependendo da marca) pra fazer uma vez por semana. Pra saber isso é só ler lá no modo de uso. Ignore quando eles falam que é pra usar depois do condicionador. Ignore.

     Na prática o que a gente faz: lava com shampoo (shampoos bons, né gente, tipo Pantene, Elseve, Dove), passa a máscara de 3 minutos, enxagua e passa condicionador. Sim, tem que usar condicionador pra fechar as cutículas e tem que ser depois da máscara porque senão seus fios estarão com as cutículas fechadas e o produto não vai "entrar".
     Na hidratação mais longa semanal você pode misturar a ampola de vitaminas. Não misture a ampola no pote de creme, separe duas colheres de sopa do creme em uma vasilha de cosmético (plástica) e misture com a ampola. Aplique no cabelo lavado e faça touca. Depois enxague e passe condicionador.

*touca: se você não tiver touca metálica, vale usar papel alumínio - coloque o lado brilhante pra dentro e enrole a cabeça. Coloque uma toalha por cima pro seu marido não achar que você está tentando bloquear um sinal alienígena (e também ajuda a aquecer).
  
     Essa rotina é muito eficiente mesmo. Eu até fiz um dia de misturar extrato de babosa (tirado das plantas daqui de casa mesmo) mas não acho que foi tão eficiente. O efeito melhor que tive foi com estes produtos:

Broto de bambu, da Novex - 20 minutos. Misturei com a ampola abaixo

Ampola de vitaminas A, E e B5, da Vita Seiva. Já tinha usado uma vez, coloquei mais ou menos um terço na minha mistura com o creme

Não sei bem o que a Pantene entende por reparação, mas como os ingredientes são de hidratação, usei e deu certo. 3 minutos

Catei a foto da própria Garnier - Reidratação 72 horas Manteiga de cupuaçu. Apesar de falar que é manteiga eu me apeguei mais aos componentes em geral, que são hidratantes. 3 minutos
     Tenho usado meu shampoo medicinal + shampoo e condicionador Pantene fusão da natureza.
     Na fase da hidratação os cremes mais baratos costumam funcionar bem. Relembro para que olhem se não têm muitos compostos de silicone, que fingem que seu cabelo tá ótimo e não tratam. Esse cronograma pode ser feito durante três semanas e aposto com vocês que só a hidratação já vai melhorar MUITO seu cabelo - ainda que falte a nutrição e a reconstrução, nosso cabelo precisa muito (e sempre) de água. Até porque os processos químicos e agressões deixam o cabelo poroso fazendo com que ele não a retenha, ou seja, você deve reidratar sempre.
     Estou na terceira semana da minha hidratação. Semana que vem a gente fala de nutrição.
     Leia também um resumão do cronograma.

sábado, 20 de abril de 2013

sexta-feira, 19 de abril de 2013

Recuperação capilar: como fazer (e algumas crendices)

(leia também: Como fazer - hidratação)
     
     Acho engraçado quando me falam que o cabelo "acostuma" com produtos. Já vi gente conceituada falando que se tem que trocar de shampoo de tempos em tempos porque o cabelo acostuma com a química do produto e precisa de uma nova pra poder reagir de novo.
     É engraçado porque a simples ideia de que os fios de cabelo se acostumam com uma química tão simples quanto a de shampoos e cremes é, pra mim, meio boba. O cabelo não é uma criança mimada, ele é um tecido morto composto de proteínas - os "tijolinhos" do nosso corpo. Mas existe uma verdade que deu origem a essa crendice e ela é: o cabelo precisa de três coisas pra ficar bonito e com aparência saudável: água, nutrição e proteínas.
     O caso é que todo mundo vê um cabelo com aparência ruim e já acha que é falta de hidratação. É que hidratação virou sinônimo de cuidado capilar, e a realidade está longe disso. Hidratar é recompor a água no tecido. Só.
     Um cabelo pode estar feio ou com aparência estranha, quebradiço, elétrico por falta de qualquer uma das três coisas que citei antes e só hidratar não vai resolver. É aí que entra a ideia do "acostumar": vamos supor que se hidrate o cabelo por um mês. Na primeira semana, em que o cabelo precisava realmente da hidratação, os resultados foram ótimos. Depois de já se ter feito a recomposição hídrica necessária, o cabelo precisa de nutrição... mas aí a pessoa continua usando o produto de hidratar... e ele não faz mais um efeito de melhora... entenderam a dinâmica?
     É aí que entra o cronograma capilar: é um planejamento que você faz para cuidar do cabelo baseado nessas necessidades que citei. O que ter em mente:
1 - Hidratar, Nutrir, Repor proteínas - sempre nessa ordem;
2 - Não se pula de fase antes do tempo pois nutrir um cabelo seco deixa o cabelo pior, o mesmo para proteínas em um cabelo sem nutrição;
3 - A fase que demanda mais tempo é a da hidratação, ou seja, se você faz um cronograma de um mês, duas semanas ficarão para a hidratação, uma e meia para a nutrição e um dia ou dois para a proteína (isso é no geral, tá). Faz-se bem menos reconstrução (proteínas) porque não é algo gradual como os dois outros processos. Mesmo um cabelo com corte químico (depois a gente fala disso) não deve receber tantas proteínas, com pena de ficar rígido.
4 - Faz muita diferença observar os componentes da fórmula do que você está comprando: produtos com silicones geralmente não tratam, mas mascaram o problema - parece que seu cabelo tá lindo, mas só tá besuntado de silicone, fazendo com que você não perceba o problema e ache que o produto é ótimo. Os silicones são geralmente os que terminam em -one (menos o Methylchloroisothiazolinone, que é fungicida).
5 - Quase sempre os shampoos falam que têm agentes hidratantes... mas não! Shampoos são detergentes. Muitos podem ter agentes que tratam, mas não se engane. Tratamento capilar é com máscara, óleos, ampolas ou condicionador. Não ache que simplesmente comprando shampoos bons e que digam que têm os ingredientes que vou citar você vai estar tratando seu cabelo.
   Estou fazendo no meu cabelo a fase da hidratação e tenho tido resultados ótimos. É realmente incrível como faz diferença vc saber o que está colocando no cabelo, ao invés de gastar um monte de dinheiro comprando um monte de coisa que passa na televisão e sempre se frustrar.
     Pra não me estender muito, só quero passar pra vocês o que procurar na fase da hidratação
- Máscaras que ofereçam hidratação (não pegue as que falam em nutrição, reconstrução, etc);
- Ativos mais comuns: frutas e vitaminas. Geralmente são coisas não gordurosas tipo bambu e coco. É legal misturar com ampolas de vitaminas (depois falo disso);
- Não use os gordurosos or enquanto, tipo argan, tutano, geleia real: esses são da nutrição;
- Os compostos terminados em -ina são, geralmente, proteínas. Não é pra agora também.
     Já ficou um post enorme! Depois volto com uma explicação mais prática do que fazer, ok? Qualquer dúvida ou sugestão podem comentar.

ps: tem muita coisa boa sobre isso no Burguesinha Suburbana (aqui tem um post ótimo! é sobre rotinas sem sulfato, pra quem quiser saber o que é e pra quem só quer comprar melhor também) e no Acorda, bonita! 
ps2: um beijo pra Aline Bessa, que me inspirou a escrever sobre isso; e pro Matheus, que tá muito gracinha de gorrinho no frio do sul!
     Leia também um resumão do cronograma.

Quando chegam livros...

     Só quem gosta muito de ler - e tem o costume de pedir ela internet - sabe a sensação boa que é quando chega livro novo. Ainda que seja usado.
     Essa semana chegaram os dois últimos que pedi na Estante Virtual: O mundo não perdoa (ok, o título original é INTRUDER IN THE DUST expliquem isso), do Faulkner; e Obra Aberta, do Eco.

Usado e novo, respectivamente. Os dois na faixa dos R$30.
     Comprei da loja Flanarte, mais de uma vez inclusive, sempre chegou direitinho e rápido. Aconselho.
     Um doce pra quem me disser como não passar Faulkner na frente do Dom Quixote...

quinta-feira, 18 de abril de 2013

Unhas - glitter em duas versões

     Achei bom começar com unhas. Né? Precisa justificar? Não.


     Nem sei porque usei glitter nas duas últimas vezes em que fiz as unhas. Se bem que, revendo agora as fotos, até sei porque.
Blanc (Blant) + Sarcasm (Penélope Luz)
O branco mais branco e fácil de passar combinado com um dos gitters mais lindos que já vi
      Gente, esse negócio do Sarcasm ser lindo é muito sério. Sei que em geral os produtos da Penélope Luz são excelentes, mas já comprovei com esse aí. Olha o detalhe:
- Muita atenção para o momento em que vocês fingem que a resolução da foto está ótima e que minhas cutículas estão em perfeita ordem - AGORA

Queria falar que tem UMA camada de glitter aí. Respect.
     Eu vejo uma profusão de glitter preto bem pequeno e maiores nas cores laranja, verde bem claro, amarelo, vermelho, azul, roxo e rosa. Já usei por cima do preto e ficou lindo, mas o diferencial dos glitters preto é o máximo mesmo. Tem tudo a ver com o nome do esmalte.

     Esse maravilhoso que vem aí é um dos únicos esmaltes de que já consegui usar um vidro - já é o segundo. Na época do primeiro a Hits ainda não gostava de dar nomes aos esmaltes, e o número dele era só 369. Que bom que eles agora têm nome, bem mais fácil de achar e de falar prazamiga.


Amora (Passe Nati) - mas nem aparece + duas camadas de Progressivo/ 369 (Hits)
      A rigor ele não preciiiiisa muito de um cremoso por baixo, mas eu gosto sempre de passar porque sempre acontece uma falha ou outra. Usei o Amora, da Passe Nati primeiro porque não gosto dele sozinho, e não ia "gastar" uma cor de que gostasse só pra fazer base pra outro glitter, sem que ela aparecesse (vocês também têm dessas coisas?). Segundo porque ele puxa pelo tom de roxo, apesar de ser beem mais rosado (Como eu não gosto desse esmalte não vou colocar foto. Julguem aí). Acho que se usar um Noite Quente (Colorama), por exemplo, a cor fica mais próxima da cor do "caldo" do Progressivo.

     Bom, gelo quebrado, já podem reclamar à vontade no meu ouvido!
     Mentira, tá gente. Faz isso não.

Boa noite

Porque é assim que a gente chega.